Fenestração de Disco Intervertebral

Indicado para pacientes com dor cervical. Realizado se nescessário de C2-C3 até C6-C7.

Preparação

  • Posicionar paciente em decúbito dorsal.
  • Depilar área desde a Laringe até o Manúbrio do Esterno.

Incisão

  • Incisar a pele na linha mediana ventral desde a Laringe até o Manúbrio.
  • Incisão do músculo Platisma e tela subcutânea para expor os músculos Esternoióides.
  • Separar os músculos esternoióides (dissecção romba) ao longo da linha mediana e afastá-los lateralmente para expor Traquéia e Exôfago.

Procedimento

  • Deslocar traquéia para a direita do plano mediano.
  • Deslocar esôfago para a esquerda do plano mediano.
  • Identificar o músculo Longo do Pescoço.
  • Elevar o músculo nos espaços intervertebrais que serão fenestrados.
  • Expor e identificar os discos intervertebrais.
  • Realizar fenestração com lâmina de bisturi nº 11.
  • Retirar o Núcleo Pulposo degenerado do interior do disco e do Forâme Vertebral.

Síntese

  • Reposicionar o músculo Longo do Pescoço sobre os espaços intervertebrais.
  • Reposicionar esôfago e traquéia.
  • Suturar a linha mediana entre os músculos esternoioides.
  • Músculo Platisma e tela Subcutânea são fechados em uma única camada.
  • Suturar pele.